Como engajar pessoas e potencializar resultados

Público: Empresas, ONGs, Fundações e Institutos
Palestrante: Giuliana Preziosi
Papo inspirador: 1 hora                                                     
Papo transformador: 3 a 4 horas (esse modelo prevê um maior número de atividades com a plateia)

De acordo com pesquisa recente da Aon Hewitt, empresas que possuem um alto nível de engajamento entre seus funcionários são 78% mais produtivas e 48% mais rentáveis. Mas como engajar colaboradores para que eles realmente comprem a sua causa e se sintam parte de um time maior comprometido a alcançar resultados que vão além das expectativas?
A revista da Harvard Business Review já trazia em 2011 um artigo com o título: “Meaning is the new Money” (Significado, é a nova moeda). Mas este tema nunca esteve tão em pauta como atualmente. A busca por significado é o principal desafio que todas as empresas terão que enfrentar se quiserem conquistar as novas gerações que vem por aí. Essa palestra vai mudar a forma como enxerga as pessoas e entender o poder do significado e da geração de valor quando se quer alcançar um objetivo.

Assuntos abordados:

  • O grande abismo que existe entre ter ideias e conseguir executá-las;
  • Os mistérios do cérebro no processo de tomada de decisão;
  • Porque vivemos no epicentro de um terremoto silencioso;
  • O que é o engajamento verdadeiro?
  • Quais os 5 passos infalíveis para engajar pessoas e ampliar seus horizontes
  • Benefícios do trabalho em equipe
  • A importância de saber conquistar as pessoas e fazê-las se sentirem parte do seu time

Como levar para a sua Organização?

Fale conosco

Giuliana Preziosi.

Olá, trabalho com Sustentabilidade e Responsabilidade Social há 13 anos. Trabalhei em grandes empresas como a Arno e o Bradesco, sendo responsável pelas estratégias socioambientais de ambas as organizações. Tive a oportunidade de lidar com os desafios de atrelar Sustentabilidade aos negócios, além disso, desenvolvi Programas de Voluntariado Corporativo, participei de Conferências Internacionais, escrevi artigos e sempre dei muitas palestras. Em 2014, resolvi viajar pelo mundo por 530 dias, passando por 37 países e mais de 229 cidades. Essa experiência alimentou meu desejo por inspirar pessoas a também buscarem aquilo que acreditam e por isso criei o Histórias que inspiram..

  • Este tem sido um de meus mantras - foco e simplicidade. O simples pode ser mais difícil do que o complexo: é preciso trabalhar duro para limpar seus pensamentos de forma a torná-los simples. Mas no final vale a pena, porque, quando chegamos lá, podemos mover montanhas.
  • O tempo dura bastante para aqueles que sabem aproveitá-lo.
  • Na escola, desde o Jardim da Infância, vocês nos ensinaram a sermos bem comportados. Vocês nos ensinaram a não brigar com os outros, resolver as coisas de forma adequada, respeitar os outros, arrumar nossas bagunças, não maltratar outras criaturas, dividir e não ser mesquinho. Então, por que vocês fazem justamente o que nos ensinaram a não fazer?
  • Algo só é impossível até que alguém duvide e resolva provar ao contrário.
  • Eu levanto a minha voz, não para que eu possa gritar, mas para que aqueles sem voz possam ser ouvidos... não é possível prosperar quando metade das pessoas ficam para trás.
  • Não há um homem vivo que não possa fazer mais do que ele pensa que pode.
  • Um dia aprendi que sonhos existem para tornarem-se realidade. E, desde aquele dia, já não durmo pra descansar. Simplesmente durmo pra sonhar.
  • Sou como você me vê. Posso ser leve como uma brisa ou forte como uma ventania, depende de quando e como você me vê passar.
  • Viver é a coisa mais rara no mundo. A maioria das pessoas apenas existe.